O seguro da Pier é confiável?

Hoje em dia, parece que escolher confiar é praticamente um ato civil e é por isso que a ideia de fazer um seguro que fosse confiável parecia tão impossível. Nós decidimos confiar em nossos membros e nossos membros decidiram confiar em nós e nessa ideia de transformar a relação das pessoas com um produto tão pouco querido ou conhecido, levando leveza para a vida delas.

Falar da gente mesmo é uma tarefa difícil. Descuidando um pouco, podemos acabar exaltando a nossa própria imagem ou então acabar subjugando nosso potencial. Por isso, preferimos que, sobre esse tema tão delicado, a nossa própria comunidade fale por nós: o seguro da Pier é confiável?

Para responder essa pergunta, ninguém melhor do que a nossa comunidade:

Veja outros reviews clicando aqui

Proximidade com os nossos membros

A gente vê a relação com as pessoas como grande chave para nos diferenciar e entregar o melhor serviço possível.

Quando começamos a Pier, revezávamos o chat e conhecíamos cada um de nossos membros pelo nome. Com o passar do tempo, o número de membros e, consequentemente de atendimentos, cresceu muito e precisamos criar uma equipe dedicada para cuidar deles. Manter tanto carinho em cada interação com a comunidade, mesmo com um crescimento acelerado, é motivo de muito empenho aqui na Pier. Logo entendemos que precisávamos estreitar essa relação ativamente e sair do chat para encontros presenciais.

Começamos com cafés informais e, aos poucos, estruturamos o que chamamos hoje de Encontro com Membros: um momento em que nos encontramos pessoalmente com membros da nossa comunidade e curtimos um pouco do efeito olho-no-olho, tão gostoso e tão poderoso para criar uma conexão mais profunda.

Recentemente, fomos a Belo Horizonte para um desses encontros e as experiências que tivemos até acabaram virando nossa primeira campanha offline, inteirinha dedicada a eles, a vocês:

Com a rotina do dia a dia, nem todos os membros que convidamos conseguem estar presentes. Foi o caso do Herman, de BH. Ficamos muito surpreendidos pela gentileza dele, que embora não tenha conseguido estar lá, manteve contato com a gente durante toda a nossa estadia em Beagá e contribuiu muito com a nossa visita à cidade, com dicas sobre o que fazer e até sobre como falar como locais.

O Herman é membro da Pier desde abril de 2018, ou seja, ele entrou quase no comecinho de nossa história! “Antes de entrar, eu tinha lido sobre a metodologia da Pier e, como sou da área de exatas, todas aquelas contas fizeram todo sentido pra mim. Na época, eu já usava seguro de celular, mas a empresa que eu usava desde 2012, que também era uma startup, além de demorar bastante para incluir os novos modelos na lista de segurados, também resolveu mudar o modelo de negócios e o valor dos planos. Foi quando eu resolvi buscar outra alternativa.”, conta.

Aqui na Pier somos muito transparentes com relação a números. Desde que alguém decide fazer uma busca para saber quanto vai pagar em mensalidade, já encontra na Tabela Pipe, que fica na home do nosso site, o preço certinho que vai pagar, podendo optar pelo plano Econômico ou Premium. Também fica sabendo na hora quanto vai receber, sem qualquer pegadinha.

Sobre o valor das mensalidades, a gente muda duas vezes ao ano, mas sempre avisa com um mês de antecedência para você escolher se vai ficar com a gente ou não. Esse fato deixa a gente muito orgulhoso, já que em uma seguradora tradicional, esse valor pode até mudar durante o contrato sem que você saiba!

O momento que ninguém quer passar, mas que todo mundo quer saber como vai ser

Como o Herman trabalha com tecnologia, ele está 100% do tempo com o celular e não pode bobear. “Sempre gostei de ter os aparelhos mais novos, que custam caro, por isso sempre quis ter a tranquilidade de tê-los segurados, sabendo que, caso houvesse um imprevisto, não teria um prejuízo muito grande.”.

Por aqui, a gente valoriza muito o momento do claim, que acontece quando um membro tem seu celular furtado ou roubado e pede o reembolso. Sabemos que a situação não é fácil e tentamos fazer o máximo para que a experiência depois do ocorrido seja a melhor possível. Não é à toa que fechamos o ano de 2019 com um NPS de 92%. O NPS é uma metodologia que mede o nível de satisfação dos clientes.

Transparência e confiança

Quando perguntamos sobre a questão da confiança, o Herman respondeu que, como bom mineiro, é bem desconfiado! “Eu analiso bastante as entrelinhas, as formas com que as coisas são colocadas, explicadas, os detalhes e, principalmente, o atendimento. No caso da Pier, a confiança se deu por conta de toda a transparência no processo, a explicação da matemática por trás da comunidade, e o fato de ter começado apenas com iOS, pois entendi que foi mesmo pra colocar a casa em ordem e depois abrir pro Android, que aqui no Brasil tem um mercado muito maior.”, conta.

Nossa forma transparente de ser

  • Enviamos uma newsletter com todas as informações importantes relacionadas ao mês anterior. Através dela, os membros ficam sabendo novidades e também números relacionados à sustentabilidade do negócio. 
  • A cada ano publicamos Relatórios de transparência contando vários detalhes de nossa trajetória. Você pode acessar o último relatório relacionado a 2019 e aos nossos primeiros 2 anos clicando aqui
  • Internamente também acreditamos que é preciso ser transparente e honesto. Nossos arquivos são abertos para quem quiser ver.
  • Além disso, todos os Piers sabem os salários uns dos outros e conhecem bem a estrutura societária da empresa. 

Amigos indicam amigos

Um ponto importante que ainda não tratamos é a questão do referral  – ou indicações em português. A gente sabe que as pessoas costumam indicar o que gostam e confiam. Mas, como elas indicam seguros se elas nem gostam de seguros?

Não é assim na Pier. Por aqui, a cada 100 membros, 84 nos recomendam para seus amigos; e 14% da nossa base costuma vir por indicação dos que já são membros. Isso faz a comunidade crescer mais saudável e com ainda mais confiança! 

E você? Como acha que podemos ampliar o sentimento de confiança que queremos estimular a cada dia? Estamos tentando criar algo incrível e a melhor parte é ter com quem compartilhar erros e acertos. 

Valeu comunidade!


Deixe uma resposta