Início » iPhone 11 importado: vale a pena?

iPhone 11 importado: vale a pena?

por Time Pier
Criado em

4 min de leitura

Smartphone
0
(0)

Que tal comprar aquele iPhone 11 importado com segurança? Hoje nós trouxemos dicas incríveis para você que está planejando comprar um aparelho de outros países, mas não sabe direito o que precisa fazer, nem quais são os riscos.

Vamos conversar sobre o assunto, pensando sempre na sua comodidade. Sendo assim, precisamos começar com um aviso.

Não temos qualquer vínculo com importadoras, nem firmamos parcerias com lojas brasileiras. O nosso intuito é oferecer informação de qualidade para os assegurados do nosso clube. Sendo assim, aqui o único compromisso é com você.

Muito bem, vamos falar sobre iPhone 11 importado, será que vale a pena? E quais são os riscos? Fique confortável e aproveite a leitura.

 

iPhone 11 importado: funciona no Brasil?

A primeira questão que surge é em torno do funcionamento do aparelho. Será que o iPhone 11 importado funciona no Brasil? Bom, vamos desvendar este assunto logo de uma vez por todas.

Os modelos de iPhone 11, iPhone 11 Pro e iPhone 11 Pro Max possuem uma realidade incômoda ao serem importados para o Brasil. Eles não possuem uma das frequências de 4G das operadoras Brasileiras.

A faixa da banda 28, com frequência de 700 MHz não funciona no iPhone 11 importado. Contudo, no Brasil há faixas que são reconhecidas por ele, a banda 3, de 1.800 MHz e a banda 7 com 2.600 MHz.

A banda 28 é recente e foi implementada no Brasil na frequência que antes era utilizada pela televisão analógica (esta teve o sinal cortado).

Então, o iPhone 11 importado não conseguirá utilizar o 4G nessa frequência, já que não tem os elementos necessários para sintonizá-la.

 

Como saber se o seu iPhone 11 importado precisará dessa banda?

Para saber se você faz uso da banda 28 você precisa fazer um teste com o seu aparelho. Com o seu iPhone atual você deve:

● Digitar no discador do telefone a sequência *3001#12345#* como se realmente estivesse efetuando uma ligação:

● Agora faça a chamada normalmente para o número mostrado acima (inclua todos os símbolos);

● Um novo menu vai surgir, nele você deve selecionar LTE;

● Depois, selecione “Servin Cell Info”;

● Por fim, na nova janela você terá a informação da sua conexão. É o número que está na frente de “freq_band_ind”.

Então já sabe, se o seu iPhone atual operar na banda 28, então será impossível para você comprar um iPhone 11 importado e utilizar o 4G. Uma vez que o seu serviço de telefonia trafega em uma frequência desconhecida para o aparelho.

 

Como saber o valor da banda em um celular Samsung?

Se você deseja fazer a transferência de um aparelho Samsung para um iPhone 11 importado e quer saber a banda em que o seu celular está funcionando, siga estes passos:

● Digite *#0011#;

● Selecione o cartão SIM desejado;

● Pronto, ali está a informação da banda.

Nota: o aplicativo Network Cell Info Lite também oferece essas informações de maneira prática e direta.

Aviso: O não funcionamento do 4G não significa que o aparelho ficará inutilizado. Apenas que a sua conexão ficará mais lenta, e em muitos casos, conectada apenas na banda 3G. O que é um decréscimo substancial para um aparelho de custo elevado.

 

Diferença de preços do iPhone 11 importado para o nacional

Normalmente, o iPhone 11 importado teria um diferencial marcante: o seu preço. Contudo, o ano de 2020 mudou essa perspectiva em muitos níveis. Hoje, um aparelho de outro país pode ter o custo até muito superior ao mesmo modelo nacional.

Vejamos uma comparação de preços (feita em novembro/dezembro de 2020):

● iPhone 11 64 GB Vermelho, em uma grande rede de lojas Brasileiras: R$ 4 399

● iPhone 11 importado 64 GB Vermelho: R$ 4 699

O preço está até superior. Vejamos agora o modelo mais caro desta categoria:

● iPhone 11 Pro Max 256 GB: média de R$ 9. 998

● iPhone 11 Pro Max 256 GB importado: média de R$ 9.000

Aqui existe uma economia de quase R$ 1.000 reais. Contudo, vale lembrar que este aparelho terá dificuldades para conectar no 4G de muitas regiões e em diversos casos ficará preso ao 3G.

Isso se mostra inclusive como um ponto negativo importante para um aparelho com preço acima dos 8 mil reais.

 

Vantagens do iPhone 11 importado

Há duas questões que precisamos reforçar, antes de falarmos sobre os pontos positivos:

● Estamos em um ano atípico para todos os setores

● A nova banda brasileira não é comum em outros países, o que interfere na conexão dos aparelhos

Sem esses dois fatores, um iPhone 11 importado teria a vantagem do preço ser mais baixo, de mais modelos estarem disponíveis e da segurança ser a mesma.

Entretanto, estes dois pontos jogam muito contra a importação de um aparelho Apple hoje.

 

Desvantagens do iPhone 11 Importado

Na questão das desvantagens do iPhone 11 Importado, nós podemos citar:

● A falta de garantia, já que muitos produtos não são possíveis de trocas

● A dificuldade com a banda e a conexão 4G, como explicamos

● O preço, que deixou de ser interessante o bastante para tornar esse investimento algo viável

● A demora na entrega, ainda mais atualmente

 

Veredito: iPhone 11 importado, vale a pena?

Depois de tudo o que dissemos, é bem provável que você já saiba a resposta. Infelizmente, diante das atuais circunstâncias, um iPhone 11 importado não vale a pena.

Tem mais, investir tão alto no modelo representa um risco. Pois você pode acabar com um aparelho conectado apenas no 3G, por um preço comparável com as lojas brasileiras. O que, no fim do dia, não representaria qualquer vantagem.

Última dica de saideira após esse conteúdo sobre iPhone 11 importado: quer manter seu aparelho seguro? Então conheça o nosso seguro para celular. Um jeito fácil, sem burocracia e minimalista para manter o seu aparelho protegido contra roubos e furtos, tudo por um preço indiscutível.

Posts Relacionados

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: