Leis de Trânsito

Fique por dentro do que mudou com a nova Lei de Trânsito 2021

Fique por dentro do que mudou com a nova Lei de Trânsito 2021

Se você dirige, não importa em que região do Brasil, deve seguir o Código de Trânsito Brasileiro. Ele teve algumas mudanças em 2021 entre uma lei de trânsito e outra.

Algumas mudaram de grave para leve, enquanto outras tiveram um agravamento. Além de serem incluídas novas multas. Mudanças na hora de tirar a habilitação também entraram para o CTB.

Continue o texto, e se atualize para não receber aquela cartinha que ninguém quer olhar nem de longe.

Novas regras em 2021

Algumas multas ficaram mais brandas, tanto na pontuação quanto no valor. Mas não é porque ficou mais barata que você vai facilitar: pense no quanto você precisa batalhar para ganhar cada centavo.

Dê uma olhada nas multas que ficaram mais leves:

  • Conduzir motos com faróis apagados: ela passou de multa gravíssima, ou até em alguns casos, a carteira era suspensa, para multa de natureza média e foi de R$ 293,47 para R$ 130,16, fazendo com o que condutor perca 4 pontos na carteira.
  • Deixar de registrar veículo em 30 dias: passou de grave para média, perda de 5 pontos e teve uma redução no valor de R$ 195,23 para R$ 130,16.

Algumas ficaram mais duras como não reduzir ao ultrapassar o ciclista, que passou de grave para gravíssima.

A idade das crianças que podiam andar de moto era de 7 anos e agora subiu para 10, lembrando que essa multa é de natureza gravíssima e terá a suspensão da carteira de habilitação.

Duas novas multas foram implementadas no Código, que são:

  • Parar sobre ciclovia ou ciclofaixa: gerando multa de R$ 195,23.
  • Não realizar toxicológico quando obrigatório: quem tem habilitação C, D e E deve fazer o teste ou levará uma multa de R$ 1.467,35, além de suspender a CNH do condutor por 3 meses.

Outra coisa que mudou na lei de trânsito foi a validade da CNH. A partir de agora, motoristas com até 50 anos terão validade de 10 anos, os de 50 a 70 validade de 5 anos e os com acima de 70 terão que renovar a cada 3 anos.

As aulas noturnas na hora de adquirir a habilitação não são mais obrigatórias.

Importância de ter um seguro

Imprevistos acontecem, assim com uma multa pode vir sem você ao menos perceber, por exemplo: não se atentar no semáforo quando estava laranja e ultrapassar quando ficou vermelho.

Aquela pane no meio do nada quando você mais precisa, quando sua gasolina acaba ou seu pneu fura. Tudo isso traz sempre um desconforto que você pode se planejar para não acontecer. Cotar um seguro de carro deve ser a primeira coisa quando você adquire um, para você ficar protegido caso esses imprevistos aconteçam.

O seguro auto da Pier tem todos os benefícios que vão cobrir qualquer imprevisto sem te deixar na mão. Somos certificados pela SUSEP, órgão responsável pela fiscalização da indústria de seguros brasileira.

Somos uma empresa totalmente digital, sua cotação sai em apenas 3 passos, além de resolver tudo pelo nosso aplicativo, facilitando, e muito, sua vida.