Blog da Pier » Pane mecânica: 3 ações para evitar esse tipo de problema

Pane mecânica: 3 ações para evitar esse tipo de problema

Quando você sofre com um mau funcionamento dos componentes mecânicos do veículo, essa situação se encaixa como uma pane mecânica. Mas você sabe como evitar esse tipo de problema? Confira algumas dicas que vão te ajudar a não ter dores de cabeça!

por Time Pier
Criado em

4 min de leitura

Segurês
5
(1)

Dentre os imprevistos que podem ocorrer com o carro enquanto você está no trânsito, o motor é uma das peças que podem sofrer desgaste. O grande problema, no entanto, é que normalmente esse componente acaba fazendo com que o veículo se torne imóvel, ou seja, não seja possível continuar rodando com ele. 

Evitar que isso aconteça é uma das preocupações que você precisa ter para aumentar o tempo de vida útil do seu carro. Então, se você é uma pessoa que está em busca de boas dicas para o cuidado com o seu carro, confira 3 dicas para não ter com o que se preocupar no futuro!

 

Para começar: o que pode causar uma pane mecânica?

Antes de entrarmos nas dicas que você pode aplicar, é importante saber o que pode causar esse tipo de problema no motor de carro. E de forma geral, toda pane mecânica é ocasionada por um mau funcionamento do motor. Este, por sua vez, geralmente ocorre devido a um superaquecimento do bloco do motor ou até mesmo de outros componentes desta peça tão fundamental para o funcionamento do veículo.

De toda maneira, independentemente de qual for a causa, é fato que você não poderá se locomover com o veículo, tornando necessário chamar um guincho e ir até uma oficina mecânica para analisar e resolver o problema a fim de que o veículo volte ao normal.

Esse é o mais recomendado a se fazer uma vez que, caso você decida conduzir o veículo em mau estado de conservação, você pode ser multado de acordo com o art. 230, Inciso XVIII do Código de Trânsito Brasileiro (CTB). É uma infração grave, passível de multa e retenção do veículo para regularização ao seu devido estado.

Por outro lado, devemos ter em mente ainda que essa é uma situação que pode se encaixar como um sinistro de seguro, dependendo das diretrizes da empresa que você contratar. Então fique de olho nisso antes de fechar o contrato para saber se você possui uma proteção adequada.

 

3 dicas para evitar dores de cabeça

Chegando então às dicas que você pode aplicar para evitar maiores dores de cabeça com o carro. Mais do que isso, é algo que você deve se atentar diariamente ao ligar o veículo. 

Por isso, faça o seguinte:

  1. Verifique regularmente o nível de água e óleo do motor;
  2. Analise se há barulho no freio;
  3. Atente-se aos superaquecimentos.

 

Nível de água e óleo do motor

No primeiro ponto, é fundamental verificar a quantidade de fluido do radiador e dos freios, bem como a quantidade de óleo do carro e de água no motor. Caso fique em dúvida de como fazer isso, basta ir em um posto de gasolina e pedir que seja feita a medição. Se estiverem baixos, é recomendado levar o carro a um profissional para que ele faça a troca de óleo e encha o tanque de água no nível adequado.

Uma alusão que vai te ajudar é pensar que, assim como a água é fundamental para nós, para os automóveis também é! Por isso, veja como está o nível a cada duas semanas, pelo menos.

 

Barulho ao freiar

Sobre a questão do barulho dos freios, é importante lembrar que este é um sistema que deve agir silenciosamente. Logo, se o seu automóvel estiver fazendo ruídos ao frear, é possível que seja o caso de desgaste das pastilhas de freio; então faça a troca assim que possível.

 

Superaquecimento

O superaquecimento, por sua vez, pode estar relacionado com a falta de água, mas não é a única causa! Então se as luzes do painel mostrarem o aquecimento do motor, desligue o carro até que a temperatura normalize e, assim que possível, leve a uma oficina para resolver a situação.

 

A seguradora pode ajudar em casos assim?

Se mesmo aplicando todos os cuidados e dicas que trouxemos neste conteúdo, você acabar sofrendo uma pane mecânica, o lado bom é que você pode contar com o auxílio da seguradora, caso tenha um bom seguro de carro ao seu lado. Isso acontece já que, dentre os sinistros e assistências disponíveis, é possível ter socorro contra eventuais panes.

Aqui, normalmente entra em questão o serviço de guincho, onde você pode contatar a seguradora de veículos e ela vai enviar um socorro para você. Então, se mesmo assim você sofrer um problema, não precisa se preocupar; pois o seguro auto está ao seu lado para te ajudar contra qualquer problema!

Por outro lado, se algo mais grave acontecer com o motor, é possível contar com a franquia do seguro para ajudar no conserto do seu carro, sendo essa outra facilidade para os seus dias. E para não ter dúvidas se o seu plano possui esse tipo de cobertura ou não, é importante estar atento durante o momento de cotação do seguro – conferindo se há a possibilidade de solicitar ajuda – ou então ver na apólice a qualquer momento.

Mas depois que você conheceu as nossas dicas para evitar uma pane mecânica e entendeu como uma seguradora pode ajudar, que tal conferir o nosso blog e saber tudo sobre o seguro para não ter nenhuma surpresa no seu contrato? Venha conosco e aumente a proteção diária com o seu veículo!

 

 

Posts Relacionados

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: