automóvel, seguro de automóvel

4 coisas que você precisa saber para comprar um carro econômico

4 coisas que você precisa saber para comprar um carro econômico

Na hora de comprar um carro, é normal que a gente pense só no valor do automóvel, e esqueça de alguns outros gastos que aparecem depois da compra. Mas se a sua intenção é comprar um carro econômico, é preciso levar em conta outros fatores.

Pensando em ter um melhor custo benefício, não é só o valor do automóvel que pesa, os itens que ele possui, manutenção e abastecimento são alguns dos outros custos que podem pesar o bolso e precisam ser considerados na hora de comprar um carro econômico e barato na concessionária.

Pensando nisso, a gente separou quatro pontos principais que você precisa avaliar na hora de buscar um carro econômico, bora?

Combustível

Com as altas nos preços dos combustíveis, é bem importante fazer as contas e considerar qual é o melhor para abastecer o carro.

Existem algumas diferenças básicas entre o etanol e a gasolina, ligadas principalmente com modo de produção e rendimento, que podem influenciar no valor final pago por cada um. A gente separou algumas dicas especiais do que você precisa ficar atento na hora de escolher o melhor pro seu carro (e pro seu bolso), é só conferir aqui nesse texto.

Manutenção

Para que o carro rode com segurança e eficiência, é essencial que a manutenção seja feita regularmente. Fazer a manutenção corretamente pode evitar que você tenha problemas mais graves e mais caros no futuro, além de prolongar a vida de várias peças do automóvel.

O manual do veículo normalmente vem com um guia de manutenção, que especifica as datas de verificação para cada peça que é mais importante levar em conta na hora de ir até a oficina.

A gente separou algumas das peças que você precisa prestar atenção quando for conversar com seu mecânico: óleo do motor, filtro de combustível, filtro do ar condicionado, velas de ignição, fluido de embreagem, pastilhas de freio, bateria e amortecedores. Além delas, também pode ficar ligado em alguns cuidados com os pneus e o painel do carro são importantes.

No painel, é essencial saber a indicação de cada luz que aparece, para saber identificar qual o problema apontado no veículo e procurar uma solução rápida. Com os pneus, alguns cuidados interessantes são o rodízio (trocar as rodas dianteiras com as traseiras para ocorrer o desgaste igualmente), o alinhamento (para preservar a suspensão do carro) e a calibragem (evita bolhas e rachaduras, além de deixar a direção mais confortável e diminuir o consumo de combustível).

Impostos

No Brasil, são cobrados 3 impostos anualmente para donos de veículos. É importante ficar atento e conhecer quais os tipos de imposto, e como eles funcionam. Aqui a gente trouxe pra você um resumo de cada um, olha só:

Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA): o IPVA é um imposto estadual, cobrado anualmente para os donos de veículos. O valor do IPVA pode variar de 1,5% a 4% sobre o valor de venda do veículo, calculado de acordo com a tabela FIPE.

Se você não pagar o IPVA, pode acabar tendo algumas dores de cabeça. Isso porque o governo cobra alguns juros e multas em cima do valor não pago, e você pode sofrer algumas consequências bem graves, como a inadimplência.

Licenciamento: o licenciamento também é um processo anual, que garante que o veículo pode circular pelas vias. O procedimento é feito para conferir se o automóvel está em conformidade com as regras e normas de segurança. O valor do licenciamento varia entre R$50,00 e R$100 reais entre os estados.

Em caso de não pagamento da taxa, os motoristas ficam sujeitos a multas, pontos na CNH e até mesmo ter o veículo apreendido.

Danos Pessoais causados por Veículos Automotores de vias Terrestres (DPVAT): o DPVAT é um seguro obrigatório, também cobrado anualmente, que protege vítimas de acidentes de trânsito no país.

Em 2021, não foi cobrado, porque o DPVAT alegou que possui recursos para continuar em operação, com valores pagos em anos anteriores e que não foram utilizados. O seguro continua existindo apesar de não ter cobrado a taxa, e resta definir se haverá cobrança no ano de 2022.

Seguros

Acidentes acontecem, mas a gente sempre pode se preparar e ficar tranquilo quando aquele imprevisto aparecer, né?

Contratar um seguro deve ser uma das primeiras coisas a fazer depois de comprar um novo carro, porque ele pode te dar mais segurança em casos de acidentes, falta de gasolina, guinchos, etc. O valor do seguro varia de acordo com várias coisas, como a região onde você mora, o modelo do seu carro e dos serviços oferecidos pela seguradora, por exemplo. Por isso, não dá para ter certeza do valor estipulado para cada carro, já que ele pode variar de empresa para empresa.

O ideal é realizar diferentes cotações em diferentes seguradoras, até encontrar aquela com o melhor custo benefício e serviços que façam sentido para o seu dia a dia.

Aqui na Pier, a gente sempre faz de tudo para o seu seguro ser super em conta e não te abandonar nunca, e para fazer uma cotação com a gente é só clicar aqui.

E aí? Curtiu as dicas? Deu pra perceber que o preço do carro não é a única coisa que conta para ele ser econômico, né? Nem sempre o carro mais barato vai ser a melhor opção para o seu bolso no futuro, então é bom analisar todas as variáveis antes de buscar um carro econômico.