Blog da Pier » Licenciamento de carro: tudo o que você precisa se atentar para fazer sem problemas

Licenciamento de carro: tudo o que você precisa se atentar para fazer sem problemas

por Time Pier
Criado em

4 min de leitura

Auto
5
(1)

Essencial para que o carro esteja devidamente regularizado, o licenciamento é um documento obrigatório que permite a livre circulação do veículo de acordo com a Lei. E se você não estiver com ele em dia, é possível sofrer uma multa e perder sete pontos na CNH, sem contar a aplicação de juros de 0,33% por dia, com máximo de 20% após 60 dias.

E tendo em vista que o licenciamento de carro, apesar de fundamental, ainda é um assunto que gera muitas dúvidas, nós elaboramos esse conteúdo para esclarecer tudo sobre o tema. Então, para saber mais, continue lendo este texto da Pier e deixe o seu carro em dia, evitando multas, pontos na carteira e juros. Boa leitura!

O que é o licenciamento de veículos e para que ele serve?

A primeira dúvida que vamos tirar aqui é o que é licenciamento de carro. De forma fácil de entender, ele é um documento que comprova o processo de regularização do automóvel. Ele deve ser renovado anualmente e é obrigatório de acordo com o Código de Trânsito Brasileiro (CTB), o guia definitivo das leis de trânsito do Brasil.

Mas para ter o Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV), que assegura o cumprimento da Lei que citamos, é preciso pagar a Taxa de Renovação de Licenciamento Anual de Veículo (TRLAV).

Ou seja, se você não pagar a taxa e mesmo assim estiver rodando com o veículo, você está agindo fora da legislação, cometendo infração gravíssima que pode gerar 7 pontos na CNH, multa de R$243,97 e a remoção do veículo caso.

E para que ele serve? Em suma, ele é um comprovante legal de que o carro se encontra em condições seguras para andar pelas ruas e estradas, que não sofreu problemas como clonagem, furto ou roubo, e que está em conformidade com o que o CTB dita para os ruídos e emissão de gases poluentes.

Quais documentos eu preciso para renovar?

A forma de fazer a renovação é por meio do pagamento, não existe outra forma. Mas como pagar o licenciamento? Para carros zero, o pagamento e liberação são feitos antes de colocar a placa no veículo, algo que normalmente é oferecido pelas lojas quando você decide comprar um carro, sendo um meio de conquistar o cliente.

Já nos carros usados, você precisa informar o número do Registro Nacional de Veículos Automotores (Renavam) e pagar pela Internet, seja pelo site/aplicativo do seu banco, casas lotéricas ou caixas eletrônicos autorizados.

O pagamento é feito mediante a apresentação dos seguintes documentos:

  • Comprovante de pagamento do IPVA atual e anterior;
  • Comprovante de licenciamento do ano anterior;
  • Documento que comprova que a taxa do licenciamento foi paga.

Não esqueça de pagar o IPVA e DPVAT antes de começar o processo de licenciamento, ou não vai dar certo. Mas quanto custa o licenciamento de carro? Isso depende do Estado e cidade em que você mora, então o melhor a se fazer é pesquisar o preço para você, já que não existe um padrão.

Como licenciar o carro em 3 passos

Você sabe como fazer licenciamento de carro? O primeiro ponto que você deve estar atento para fazer o licenciamento, como citamos anteriormente, é estar totalmente livre de débitos, impostos e multas. Feito isso, você precisa:

  1. Entrar no site do Departamento Estadual de Trânsito da sua cidade, ou comparecer na sede da Delegacia de Trânsito, agência de correio ou outros serviços credenciados;
  2. Pagar a taxa devida (pode ser feito pela Internet, aplicativo, casa lotéricas ou caixas eletrônicos conveniados);
  3. Levar comprovante de pagamento do IPVA (atual e anterior), comprovante de licenciamento do ano anterior (exceto carros zero km) e o comprovante de pagamento da taxa.

Com tudo isso feito, geralmente um dia útil após o pagamento é possível encontrar o CRLV no menu de Licenciamento Digital no site do Poupatempo, Detran ou nos respectivos aplicativos: Poupatempo Digital, Detran e Carteira Digital de Trânsito.

Você pode baixar o seu CRLV, imprimir ou consultar licenciamento de carro por aplicativo, a escolha é sua. Apenas não se esqueça de andar sempre com ele quando estiver no carro para evitar os sete pontos na carteira, a apreensão do veículo para o pátio e a multa de R$293,47.

Qual é o impacto de não ter o licenciamento em dia?

No geral, não estar com o licenciamento regularizado até o último dia útil do mês referente ao final da placa gera multa e juros. Consequentemente, você leva sete pontos na carteira se for parado por um agente de trânsito, seu carro é recolhido para o pátio e você precisa pagar uma multa de R$293,47, isso sem falar que a taxa aumenta em 0,33% de juros por dia, então não esqueça de pagar em tempo hábil e imprimir o documento até o fim do período.

Mas para quem se pergunta sobre o impacto no seguro de carro, estar com o CRLV atrasado não impede que você pague a mensalidade do serviço ou que você cote e contrate um.

Agora, seja com ou sem seguro auto, não é interessante deixar de estar com essa documentação em dia, então preste bastante atenção à data limite de acordo com o final da sua placa e regularize o seu carro para circular sem problemas e dores de cabeça. Gostou de saber mais sobre a importância do licenciamento? Então confira o blog da Pier para saber mais sobre automóveis e ficar por dentro de tudo sobre o seguro de automóveis também.

Photo by David Suarez on Unsplash

Posts Relacionados

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: