Início » O que é assistência no seguro auto? Conheça tudo a respeito desse assunto

O que é assistência no seguro auto? Conheça tudo a respeito desse assunto

por Time Pier
Criado em

5 min de leitura

Segurês
5
(1)

Ter um seguro é fundamental para quem deseja ter mais segurança no dia a dia, já que, mesmo se algum imprevisto acontecer, você consegue resolver sem maiores problemas. Tudo isso é possível graças às assistências que as seguradoras de veículos oferecem, que são suficientes para suprir tudo o que você precisa enquanto está no trânsito.

E para que você possa entender melhor sobre como funciona o universo de seguros de automóvel, nós da Pier criamos a série “Segurês”, onde vamos explicar tudo de forma completa e simples de entender.

O tema do conteúdo de hoje retrata o que é assistência dentro do seguro auto e, por meio dele, abordaremos os principais pontos que dizem respeito a esse assunto. Ficou curioso? Então continue com a gente e saiba mais. Boa leitura!

Quais assistências um seguro auto pode oferecer?

Ao falar sobre tudo o que é oferecido por uma seguradora, é comum pensar logo de cara no serviço de guincho. E não é para menos, afinal, além de ser o mais comum em todas as coberturas, ele também é um dos mais solicitados em nosso país, seja devido a uma pane elétrica, mecânica, pneu furado ou outras situações adversas.

Mas além dele, o seguro de carro pode oferecer serviços para:- Auxiliar em casos de pneu furado (seja enviando um guincho para levar o veículo até a oficina mais próxima ou realizando a troca)- Chaveiro para situações de perda da chave- Auxílio para problemas mecânicos e elétricos- Socorro se ficar sem combustível (aqui, o seguro pode enviar o guincho para rebocar o veículo até o posto mais próximo e o proprietário paga para encher o tanque)

Estes são até comuns no mercado, mas existem ainda opções que oferecem:- Reparo para vidros quebrados- Estacionamento por uma noite (caso tenha problema com o automóvel e não seja possível reparar no mesmo dia ou voltar para casa)- Aluguel de veículo (carro reserva) – Descontos em lojas e oficinas

Mas tendo em vista que todas essas opções são possíveis, como saber se o seu seguro possui tudo isso? A ideia é simples: quando cotar o seguro, faça uma análise de tudo que é oferecido e selecione aquilo que você deseja, se isso for possível. Lembre-se apenas de que é comum o valor cobrado ser maior caso você tenha mais recursos no plano, independentemente se eles serão utilizados ou não.

Como solicitar os serviços de assistência?

Normalmente, a forma mais comum de acionar a seguradora e solicitar algo é por meio da ligação telefônica, ligando para a central e esperando até ser atendido. Essa é, no entanto, uma das grandes reclamações dos usuários de seguro auto. Afinal, é comum ficar por muito tempo nos menus e nem sempre ter o problema resolvido.

Pensando nisso, e devido ao avanço tecnológico, muitas seguradoras passaram a desenvolver aplicativos próprios, tanto para possibilitar o contato direto como para facilitar a comunicação por meio de apps como WhatsApp e Telegram. Esse diferencial, com certeza é uma das facilidades do seguro de automóveis atualmente. Afinal, dessa forma há maior praticidade na hora de utilizar e reportar alguma situação onde você precise do seu seguro de veículo.

É importante lembrar, porém, que é possível saber qual a forma de contato no momento de simular o seguro auto, então fique atento a isso se você não quer ter dores de cabeça no futuro!

Existe algum momento específico no qual eu posso fazer o pedido de assistência?

Antes de entrarmos neste ponto, é importante mencionarmos o que é sinistro. De forma simples, ele é a situação que gera um prejuízo ao proprietário do veículo e torna necessário o acionamento do seguro, seja por roubo, furto, colisão ou acidentes. Tudo isso está previsto na apólice, documento que firma o contrato entre ambas as partes e contém todas as coberturas, bem como as situações consideradas como sinistro.

Para tanto, devemos ter em mente que, mesmo sendo eficiente para cobrir danos, acionar o seguro nem sempre é a melhor opção para você. Mas, então, quando é aconselhado acionar?

Para casos onde o veículo sofreu pequenos impactos, se envolveu em um acidente causado por terceiros, teve um acidente provocado por você, mas com danos pequenos, ou está além do limite de distância para a utilização que consta na apólice, não acione. E não precisamos nem mencionar que não vale a pena perder tempo tentando solicitar auxílio com algo que o seguro não cobre, certo?

Já para situações onde você provocou um acidente de trânsito com danos grandes (valor de reparo maior do que a franquia do seguro), seja no seu veículo ou em outro, é recomendado entrar em contato com a seguradora o mais rápido possível. Mas não se esqueça que a seguradora pode solicitar o boletim de ocorrência para que o acionamento seja efetivado. E é melhor ter ele com você para se preservar contra futuros problemas.

Somado a isso, é importante saber também a diferença entre cobertura e assistência para entender quando acionar o seguro é uma boa ideia e quando não é. Basicamente, a primeira é quando o bem material sofre danos ou perdas, enquanto a segunda são os serviços de utilidade para o bem que está sendo assegurado.

Assinei o contrato do seguro hoje, posso pedir auxílio amanhã?

A resposta é: depende. Nos seguros de carro, outra característica de grande influência é a carência, que nada mais é do que um período no começo do contrato em que você não pode solicitar nada. Por que? Isso é bem simples: a seguradora ainda está confirmando as coberturas e garantias, fator que inviabiliza o pedido mesmo em casos de sinistro.

Porém, isso tem sido contornado por algumas empresas do ramo para oferecer mais segurança aos segurados. Mas para não ficar em dúvida, durante a simulação do seguro de carro você pode analisar se existe ou não tempo de carência no plano que você vai assinar.

Quantas vezes eu posso pedir auxílio por mês?

Apesar de não existir um limite de vezes em que você pode acionar o seu seguro para as coberturas (como reparos, roubos ou furtos), é importante lembrar que normalmente existe um limite de pedidos quando o assunto são os socorros mais pontuais.

Esta, por sua vez, varia a cada contrato, mas normalmente é de 3 ou 4 vezes durante o período de vigência. Então, se foi acordado um ano de plano, durante esse período você pode chamar o guincho no máximo 4 vezes, por exemplo. Se você precisar de uma quinta vez, o valor do seguro de carro não é alterado, mas em compensação você não consegue fazer a solicitação.

E aqui, para quem busca mais tranquilidade no trânsito, a Pier ganha um forte destaque: além de não possuir carência, fazendo com que você possa solicitar amanhã mesmo caso feche negócio hoje, as nossas assistências se renovam a cada mês, então você pode solicitar um determinado serviço até 12 vezes por ano, se necessário.

O seguro cobre somente em alguma distância pré-estabelecida?

Apesar de oferecer mais segurança para os segurados, existe um limite de quilometragem para fazer o atendimento das assistências. Este valor varia de acordo com as opções de seguro online e convencional, mas é comum não ser autorizado se estiver acima da distância limite. Então, para ter o máximo de segurança, faça uma boa análise sobre isso antes de fechar o contrato.

Aqui na Pier, o nosso serviço de guincho, por exemplo, leva o seu carro até o local indicado em um raio de 200 km de onde você estiver, e você somente paga se tiver quilômetros excedentes.

Gostou do conteúdo de hoje? Então continue acompanhando o nosso blog para saber tudo sobre esse universo e entenda o que um bom seguro auto possui para não cair em pegadinhas e ter o melhor cuidado com o seu veículo em todos os momentos!

Foto de Malte Luk no Pexels – https://www.pexels.com/pt-br/@maltelu

Posts Relacionados

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: