Início » A Pier possui franquia no Seguro Auto?

A Pier possui franquia no Seguro Auto?

Evitada por alguns, a franquia funciona como uma coparticipação onde a empresa ajuda a pagar pelo conserto do veículo após um sinistro, mas você também precisa aplicar uma parte do dinheiro para isso. Continue lendo para saber tudo sobre como funciona esse tópico nos seguros da Pier Seguradora!

por Time Pier
Criado em

4 min de leitura

Auto
0
(0)

Quando falamos sobre o universo de seguros, principalmente abordando a modalidade para os automóveis, alguns termos começam a aparecer e gerar algumas dúvidas, como é o caso da franquia no seguro. Em muitas empresas ela é vista como obrigatória, já que é uma maneira de as seguradoras não perderem dinheiro ou sofrerem algum tipo de prejuízo financeiro.

Por outro lado, isso torna necessário que o segurado entre com uma parte do orçamento para que o reparo do veículo seja feito, dependendo do limite estabelecido no contrato e do estrago resultante do acidente ou sinistro.

E se você está se perguntando como a Pier Seguradora age com relação a isso, continue lendo esse texto onde explicamos a fundo para deixar a sua vida mais descomplicada! Venha conosco.

 

A franquia é obrigatória nos planos da Pier?

A fim de que você tenha total certeza desde o começo, já adiantamos que o seguro auto da Pier não possui obrigatoriedade de franquia, ou seja, você contrata somente se quiser. Mas como isso acontece, então?

Bom, é muito simples: em nosso plano básico, nós oferecemos proteção contra roubo e furto, bem como assistências 24h que são guincho em um raio de 200 km, pane elétrica ou mecânica, falta de gasolina, troca de pneu, chaveiro e estacionamento por uma noite, itens fundamentais para quem busca um seguro para carro de qualidade.

Isso, no entanto, não quer dizer que é impossível ter essa proteção extra em seu plano! Se ao fazer a cotação de seguro você analisar que é muito importante ter a franquia de seguro, você pode incluir na simulação e, em tempo real, você confere o valor da mensalidade (sempre com base no preço do seu carro na FIPE) e qual é o teto máximo que nós vamos te ajudar em caso de conserto para acidentes, batidas, incêndios e outros desastres naturais.

Apenas fique atento pois, para ter a cobertura de danos parciais, é necessário ter a proteção para perda total, onde fazemos o reembolso do carro nas mesmas situações que os danos abaixo de 75%.

 

O que é franquia e como ela funciona?

Após entender sobre como a Pier se posiciona quanto a esse tópico e as facilidades que levamos para o seu dia a dia, a dúvida que fica é sobre o que é e como funciona a franquia, apesar de já termos dado uma breve explicação.

Sempre que ela está disponível no plano, ela está presente na apólice de seguro e nada mais é do que uma coparticipação entre você e a empresa. Então se você estiver com o carro com sinistro em até 75% do valor coberto pela seguradora de veículos, é possível contar com esse tipo de auxílio para pagar pelo conserto do seu automóvel. 

Para ficar mais fácil de entender como funciona e o impacto no dia a dia, vamos a um exemplo. Você decide simular o seguro auto com uma empresa que oferece boas condições para a sua proteção, e dentre elas decide acrescentar a franquia. No mesmo lugar onde é possível analisar que ele está presente você pode conferir qual é o valor, antes mesmo de fechar o contrato.

Se ele ficar em um total de R$ 1.500,00 e você sofrer um acidente que torne necessário o conserto, esse será o valor que você deverá pagar para a seguradora disponibilizar o serviço de reparo. Caso o valor da oficina ficar abaixo, não convém ativar o seguro. Mas em casos que o valor fique superior ao contido na franquia, você pagará apenas o valor acordado.

 

Mas afinal, é melhor ter ou não ter dentro da apólice?

À medida em que a proteção é algo fundamental após comprar um carro (seja ele novo ou seminovo) por ser uma maneira de preservar o seu bem, a dúvida que fica é se ter a franquia é uma boa ideia ou não.

A primeira coisa que devemos analisar é que um bom seguro de carro é aquele que oferece máxima segurança para você em todos os momentos. E tendo em vista que uma das formas que ele protege é contra prejuízos financeiros, ter a franquia pode ser interessante na mesma proporção em que você não precisa pagar por todos os reparos do seu bolso.

Como eu vou saber, então, se é uma boa ou não? Para decidir, fique atento a dois pontos:

  1. se existe carência, que nada mais é do que um período o qual você não pode acionar novamente a seguradora para que ela pague a franquia do conserto (algo que não acontece com a Pier, já que fazemos a renovação mensal de todas as coberturas disponíveis em nossos planos);
  2. é muito provável que ocorra um aumento no valor do seguro de carros para ter essa proteção extra, mas nada muito alto ou que pese em seu bolso!

Com todas essas informações, podemos dizer que, para levar mais proteção para todos os dias, a franquia pode ser uma boa aliada para quem está em busca de mais tranquilidade enquanto está andando no trânsito!

Agora, se você quer ter mais facilidade e menos dores de cabeça no seu dia a dia com um bom seguro ao seu lado, entre em nosso site e faça uma cotação agora mesmo para, em apenas alguns minutos e sem qualquer compromisso, entender como nós podemos te ajudar!

E para conhecer mais sobre o universo de seguros auto, confira o Blog da Pier, onde trazemos diversos pontos de vista sobre esse assunto para tirar todas as suas dúvidas!

Posts Relacionados

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: